Não interessam os meios, taoquei.

Amparado no direito do cidadão de bem com deus acima de tudo de defender sua deturpada concepção de liberdade e democracia, o esterquíssimo presidente da república dos caetanos e suas memórias seletivas, declarou hoje que “nós defendemos o armamento para o cidadão de bem, porque entendemos que a arma de fogo, além de uma segurança pessoal para as famílias ela também é a segurança para a nossa soberania nacional… e a garantia de que a nossa democracia será preservada, não interessam os meios que, porventura, um dia tenhamos que usar… a nossa democracia e a nossa liberdade são inegociáveis”, taoquei.

Não interessam os meios quando sabemos que o fim tem dono.

De um lado, a democracia do pfiu, pfiu, sustentada pelas elites, pela mão onanista do mercado, pela liberaloide classe média vira-lata limpinha cheirosa. Do outro, a democracia do gliter glúteo glamur, cativa das mídias golpistas e sustentada pelo algo-ritmo frenético da lacração cultura do topo disfarçada de resistência antifascista, plim, plim.

No meio, a fome, a miséria, o desemprego, o desespero…

…e as ruas seguem vazias, com aventuras autoritárias, com tudo.

Obrigado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star