O golpe taí, cai quem qué, taoquei…

No país que não titubeou em eleger um fascista no lugar de um professor, crer que em ano eleitoral o presidente da república da esquerda viciada em celebbbridades instantâneas-es-is-os-us, Jair Bolsonaro, não está dando golpe em professores e professoras ao declarar que vai seguir a lei e reajustar os salários em quase 33%, é crer que, do dia pra noite, o homem que usou todos os recursos possíveis para tripudiar da vida de professores e professoras – além de profissionais de saúde, cientistas, etc. – e arrancar-lhes tudo o que lhes resta de direitos em nome do patrão, transubstanciou-se em um enviado do deus acima de tudo, amém.

Os governos e municípios não têm condições de arcar com o reajuste de 33%, o que fará com que todos e todas se revoltem contra eles – tal qual nas decisões que tomaram em relação à pandemia no intuito macabro de salvar vidas –, mais uma vez, o que levará o mandatário fanfarrão a dizer que fez a sua parte, os governos é que “não me deixam trabalhar, taoquei”.

Como gostam muito de dizer por aqui os espertões do “eu avisei”, o golpe táí, cai quem qué, pfiu, pfiu.

Obrigado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star