Já caiu, taoquei!

Eis o resumo da ópera: Bolsonaro já caiu, jaz estilhaçado à espera da pazinha limpinha cheirosa do estado democrático de direita. A posse de Ciro Nogueira como Ministro da Casa Civil é um golpe parlamentar articulado com a total anuência e participação do Executivo Federal a fim de salvaguardar o golpe de 2016 e garantir que não haverá interrupção no curso de sua execução, que vai à galope pelas pradarias verdejantes do neoliberalismo, uma vez que o destemperamento do excrementíssimo presidente decorativo da república dos e daís coloca em risco o contrato social firmado entre os ricos e os mais ricos para que ambos continuem ricos e, quem sabe, talvez, um pouquinho mais ricos, taoquei.

Bolsonaro declarou hoje, após penduricalhar medalhas de mérito, que não sabe se vai disputar a reeleição em 2022. “Não posso garantir” disse o bufão. A desculpa é aquela de que se não tiver voto impresso auditável haverá fraude, coisa que tenta provar desde 2018 quando foi eleito pela urna eletrônica, tal qual nos últimos 25 anos aos diversos cargos que usou para fazer rachadinhas e afins que são muito bem aceitos pelos cidadãos de bem, amém.

Porém, o tom já não é de ameaça, uma vez que o golpe já foi dado pela verdadeira terceira via, aquela que financia golpes desde… sempre. Bolsonaro está derrotado, indefensável, rejeitado, e, para sair menos prejudicado, cede a faixa ao Centrão. Como Lula, o torneiro mecânico mais amado da galáxia, vence Bolsonaro no primeiro turno e ninguém tem candidato melhor, a saída é ocupar o poder, fazer de conta que é a solução pacificadora para o impasse e manter-se nele, com semipresidencialismo, com tudo.

Semana que vem será empossado, portanto, o novo presidente do brazil, Ciro Nogueira, – non, ceci n’est pas Paris, isentão! – que exercerá o cargo de acordo com os seculares republicanismos das elites eugenistas e da necrófila e onanista mão invisível do mercado em nome da liberdade de consumo, enquanto a esquerda espera ansiosamente por mais um sábado ensolarado para manifestar toda sua insipiência lacradora em um belíssimo desfile de fantasias verde amarelas, porque vermelho o patrão não deixa.

Paralisação Geral já!

Obrigado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star