Tá ficando afinadinho, taoquei

Quando no ano passado o esterquíssimo presidente da república dos individualistas, Jair Bolsonaro, declarou ao alcançarmos 100 mil mortos vítimas de covid-19 – hoje são 325 mil, 3.769 mil na últimas 24 horas –, “…vamos tocar a vida e se safar desse problema…”, estaria o bufão prevendo o futuro e encomendado as cordas que vibrariam em seu novo instrumento de destruição em massa, Arthur Lira, afinadíssimo com os interesses do empresariado e virtuosamente dedilhado por seus representantes na Câmara dos Deputados? Lira, como Bolsonaro, é mais um fantoche da mão invisível do mercado, taoquei.

Ao apoiar o PL 948, que versa sobre a aquisição de vacinas pela iniciativa privada sem a obrigatoriedade de doá-las ao SUS, Lira prova que os brasileiros não se preocupam com a corrupção, desde que ela os beneficie; se não forem convidados para a festa, transmutam-se em terríveis seres angelicais, únicos proprietários possíveis de toda a honestidade do mundo, usurpando-a e disponibilizando-a na vitrine limpinha cheirosa do seleto clube de vantagens do deus acima de tudo, amém.

O PL Fura Fil, se aprovado, promete facilitar a compra de vacinas por empresas. Ora, o “empresário” da portinha – mesmo que ache que é a Coca-Cola – não têm condições de comprar vacinas que são vendidas em lotes de milhões de doses a um preço unitário acima do que é vendido para governos. Mas é justamente ele-ela-eli-elo-elu quem vai defender com suas unhas e dentes de vira-lata que empresas grandes, bem grandes, muito grandes, comprem as vacinas, imunizem seus empregados e familiares para que voltem ao trabalho sem a garantia de que as pessoas que vão estar com elas no ônibus, no trem, no metrô, nas calçadas, também estarão imunizadas, com o agravante de o novo coronavírus já apresentar variantes locais mais resistentes, contagiosas e letais.

Bolsonaro, incapaz de ser algo mais que um pedaço de carne podre perambulando e empesteando o planeta, se safou do problema com Lira e o Centrão, que estão cumprindo à risca o plano arquitetado no golpe de dar continuidade ao uso e abuso dos recursos naturais e humanos do país até não sobrar nada, com supremo, com tudo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star