Um país de alma lavada

O dia amanheceu sob a sombra da morte. Um número assustador de mortos pairou sobre a cabeça de milhões e milhões de brasileiros em seu calvário particular. Uns se importando muito, outros nem tanto. Outros simplesmente negando. Mais de 300 mil vítimas fatais de covid-19; 1.999 nas últimas 24 horas. Mas nem tudo é desgraça. Na semana da água, o copo parece estar meio cheio para os otimistas. A imprensa, sempre muito atenta, notou que após mentir descaradamente em rede nacional de rádio e televisão, o desprezabilíssimo fantoche presidente da república dos edaís, Jair Bolsonaro, mudou o tom, lhes parecendo mais sério, preocupado com o rumo que a pandemia tomou, quem poderia imaginar, taoquei? O mercado reagiu e tamborilou contentemente seus dedos invisíveis na mesa e vidro, acariciou a gravata italiana, e pediu educadamente ao estagiário que lhe buscasse um café – desses chiques, claro, carérrimos, que têm o exclusivo buquê oriundo do trabalho análogo a escravo em fazendas certificadas – para celebrar com investidores e acionistas de toda sorte, pfiu, pfiu.

Um alívio! Que bom que agora podem respirar sem respiradores, não mais correndo o risco de serem intubados sem anestesia. A vacina está chegando para aqueles que ainda não furaram a fila e deitaram suas cabeças tranquilamente em seus travesseiros e orações. O golpe poderá seguir sem interrupções, a mídia golpista chancelou a mentira do fanfarrão, o Congresso fez seu indefectível papel de durão, o judiciário fez de conta que se importa e a esquerda bateu uma panela aqui, outra ali, inflou o ego e voltou pra frente da tevê tendo feito apenas barulho o suficiente para manter o equilíbrio das coisas como devem ser, estritamente de acordo com o plano deitado letra por letra com o sangue dos outros nas páginas sagradas das escrituras milenares do deus glutão, amém.

“Faça suas orações uma vez por dia, depois mande a consciência junto com os lençóis pra lavanderia” – O Sândalo, Tom Zé.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star