1 ano, 275.105 não sou coveiro. 24 horas, 2.216 e daí?

Hoje faz um ano do falecimento da primeira vítima brasileira de covid-19, uma mulher de 57 anos. De lá pra cá, 275.104 pessoas morreram – 2.216 nas últimas 24 horas – vítimas da estupidez crônica do excremetíssimo presidente da república dos edaís, Jair Bolsonaro, muitas e muitas delas pertencentes à súcia rastejante que o elegeu e mimetizou detalhada e ufanamente seu comportamento desprezível, desumano, genocida, tal qual lhes doutrinou por anos e anos o livro sagrado escrito com o sangue dos outros pelas mãos invisíveis do deus glutão, amém.

Meus sinceros pêsames a todas e todos que perderam seus entes queridos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star