Situada no coração do pulmão do mundo, Manaus não tem mais oxigênio em hospitais devido à demanda pelo produto graças à flexibilização das medidas básicas de combate à pandemia do novo coronavírus durante os meses de novembro e dezembro – bem como , em todo o país dos imortais –, as festas de fim de ano, as férias, o verão, tudo para não deixar morrer de fome o deu$ glutão. O prefeito de Manaus, estuda um lockdown na capital do Amazonas “se a situação piorar”. Piorar? Pelo visto, as pessoas terão que morrer duas vezes, taoquei.

Enquanto isso, o Ministério da Doença, do Paraquedista Pazuello, quer enfiar Cloroquina e invermectina goela abaixo na população manauara.


O capitalismo deu certo: é um sistema de morte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star