No dia 24 de fevereiro de 1932, as mulheres brasileiras conquistaram o direito ao voto. Uma luta que começou em 1891. Em 2016, as mulheres eleitoras se tornaram maioria no território brasileiro. Com essa conquista, as mulheres começaram a ocupar os espaços políticos antes preenchidos apenas por homens: cargos eletivos nas esferas municipais, estaduais e federais passaram a ter cada vez mais a presença, a voz e a força da mulher.

Tivemos uma presidenta eleita com mais de 50 milhões de votos, e seguimos tendo candidatas mulheres em diversas frentes, principalmente nas que defendem as causas feministas, trabalhistas e de direitos humanos. Eleitas ou não, mulheres que ergueram e erguem o pulso contra o machismo, a misoginia, o feminicídio, o racismo, a violência contra a mulher, por políticas públicas que garantam o direito da mulher sobre suas escolhas, sobre seu corpo, sobre sua vida.

Na imagem estão algumas das mulheres que retratei no último ano e que, eleitas ou não pelo voto, colocaram seus nomes e sua luta a serviço da política em nome da mulher brasileira, graças à conquista do voto feminino: @dilmarousseff @marielle_franco @manueladavila @jfeghali @alinegafua @isapennapsol @_mariadorosario @lecibrandao @guajajarasonia @marciatiburi @marcialucena , Lélia Gonzales, Nilceia Freire.

O voto da mulher, uma conquista que engrandece a democracia, a política, a vida. Vote em mulheres! Por mais mulheres na política brasileira! Parabéns, mulheres! Parabéns, Brasil!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star